Miúdos demasiado stressados

6.3.18


Apesar de haver cada vez mais movimentos para abrandarmos a nossa vida e que nos lembram que devemos estar mais presentes no momento, continuo com a impressão que, ainda assim, muitos de nós levamos vidas cada vez mais agitadas, com imenso stress, solicitações e distrações. Mais, muitos sentem-se culpados por não conseguirem abrandar. O mesmo se passa com os nossos filhos - há cada vez mais avaliações, trabalhos de casa, solicitações. Passamos horas em trânsito e no trânsito, chegamos tantas vezes arrasados a casa e a vida parece passar sem que por ela passemos. E bolas, já estamos em Março!!

É nossa responsabilidade proteger os nossos filhos destas situações que provocam danos - a forma como estamos a viver não é sustentável.
Deixo-te abaixo 5 pontos para pensares e implementares na tua vida, se te fizerem sentido:

1) Cria um ambiente de paz em nossa casa
Nenhuma criança se consegue sentir tranquila, serena e descansada quando em casa se grita, se anda depressa e é tudo feito a correr. Se as nossas casas são lugares de segurança e o porto seguro, é preciso garantir que o são mesmo.

2) As atividades extra-escolares não têm de ser fonte de tensão - a criança só tem de se sentir motivada e de gostar. E aí tornam-se atividades em que se aprende outras coisas, se conhecem outras pessoas e até podem ser fonte de descontração, bem-estar e crescimento pessoal. Se não forem, é preciso repensar a situação.

3) Escuta mais
Sem teres necessidade de amparar, corrigir ou direccionar. Escuta, apenas. Só isto provocará uma sensação de bem-estar no outro. Vai uma aposta?

4) Organiza
Quanto mais organizada for a tua vida e as tuas coisas, quanto maior ordem houver e quanto menos coisas existirem menos stress sentirás. O livro da Marie Kondo (espreita aqui e aqui) é uma excelente inspiração que vais querer conhecer.

5) Desacelera
Não tens de ir a todas, não tem de ser perfeito e não tem de ser de acordo com as expectativas dos outros. É a tua vida, tu é que sabes como tem de ser. Ensina também isso aos teus filhos

6) Intimidade em família
Há muitos testes na próxima semana? Então prepara um jantar bom e agradável, saiam para caminhar um pouco depois da refeição e apanhem ar. Ensina os teus filhos a importância das pequenas pausas para que se permitam existir entre tantas solicitações.

7) Presente!
Está mesmo presente - a nossa presença (e a qualidade da mesma) ajuda (ou piora, depende da qualidade!) a criança a sentir-se mais serena, protegida e a relaxar. A tua presença é mesmo necessária.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por leres e por comentares!
Todos os comentários são bem-vindos excepto os que 'berram alto'...Esses são, naturalmente, eliminados!

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share