A Autorregulação em 3 passos

20.1.18



Um dos tópicos que abordamos ao longo de toda a Pós-Graduação que está a decorrer aqui no Funchal é a autorregulação dos pais. Há imensos segredos para exercermos uma parentalidade mais positiva e que traga mais significado aos nossos dias e um deles passa, inevitavelmente, por nos auto-gerirmos e termos atenção ao tipo de resposta que damos.

Na verdade, como escrevi no Berra-me Baixo e também no Crianças Felizes, não mudamos ninguém - apenas nos podemos transformar, num processo de melhoria contínua.

Há 3 passos por onde podes passar. 
Precisas então de identificar o que nos tira do sério, conhecendo qual é o nosso padrão de comportamento habitual. De seguida, reflectir qual seria a forma como gostaríamos de responder a essas situações e treinar. E sim, basta isto.
Ajuda, claro, leres o Berra-me Baixo que muito mais do que um livro sobre como deixar de gritar com os filhos mas antes um livro sobre como criar dias com mais significado, tranquilos e nos deixe ser os pais que sempre quisemos ser.

Segue-nos aqui:

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por leres e por comentares!
Todos os comentários são bem-vindos excepto os que 'berram alto'...Esses são, naturalmente, eliminados!

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share