Educar sem gritos - um desafio chamado Berra-me Baixo

13.8.15
Parece impossível mas não é. Educar sem gritar (pelo menos tanto) exige tempo e um caminho de avanços e retrocessos. No final, todos ganham.


Leitura obrigatória e com testemunhos neste artigo da Pais&Filhos.



Adere ao Desafio. Aqui.

2 comentários:

  1. Olá Magda!
    Depois de ter feito um workshop consigo, no Porto, de ler atentamente o seu livro, que tão carinhosamente me autografou, depois de a seguir fielmente neste blog e de perceber que não estou sozinha nesta viagem, resolvi inscrever-me novamente no desafio "Berra-me baixo"!
    A minha relação com as minhas filhas mudou, eu e o meu marido temos posto (nem sempre :( ) em pratica aquilo que temos aprendido consigo. No entanto, e depois de falhar a primeira tentativa do desafio, não estava bem comigo mesma por ter falhado e principalmente por ter falhado com as minhas filhas, berrando-lhes algumas vezes...
    A verdade é que elas são umas verdadeiras pestinhas e, por vezes, vejo um certo sorriso matreiro na cara delas, quando vêm o desespero a apoderar-se de mim mas recuso-me, terminantemente a baixar os braços e desistir. Elas merecem e eu também!!!
    Assim sendo, cá vai a minha segunda e ultima tentativa, porque acredito que vou conseguir, neste desafio.
    Obrigada pelas dicas, pelos conselhos tão úteis e sempre na hora certa!!!
    Adoro-a!
    Beijinhos,
    Joana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo seu feedback! Um grande beijinho!

      Eliminar

Obrigada por leres e por comentares!
Todos os comentários são bem-vindos excepto os que 'berram alto'...Esses são, naturalmente, eliminados!

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share