COMO MOTIVAR O TEU FILHO PARA OS ESTUDOS EM 4 PONTOS FUNDAMENTAIS

15.12.14
Agora que as férias do Natal estão aí a chegar, aproveita a pausa para ajudares os teus filhos a sentirem-se motivados para o estudo.
O título diz que te vou contar como é que consegues motivar os teus filhos para o estudo mas é apenas um título chamativo - porque, na verdade, não é possível motivar ninguém para nada.

A motivação é uma porta que se abre por dentro e não há nada que consigas fazer para criares motivação dentro do teu filho - porque isso é uma questão tão íntima e que apenas a ele lhe diz respeito que tudo o que te possam dizer é quase 'só' para inglês ver.
O que tu podes fazer é ajudá-lo a sentir que estudar é bom. Sentir. Não é racional, entendes?
Como é que fazes isso?




1. Criando experiências positivas em relação ao estudo
Interessa-te pelo que ela está a aprender na escola - não em forma de inquérito mas pega nos cadernos dela e nos livros, depois de a deitares, e espreita o que ela anda e vai aprender. Depois, no carro ou no supermercado, explora circunstâncias onde ela possa aplicar o conhecimento que vai adquirindo.
Está a aprender a escrever? Treina o soletrar! Ou que países começam pela letra A! Não sabe países? Explora com ela os países onde tu já estiveste e onde adorarias ir. Sê curiosa e criativa!

2. Elogia bem e como deve de ser
'Parabéns, já fizeste os TPCs todos! És mesmo esperto e rápido' é muito diferente de dizer
'Já fizeste tudo? Uau, isso significa que gostas do que estás a aprender? Ora mostra lá! Ena, a letra 'g' está mesmo bem desenhada. Vejo que te aplicaste. Hmm... eu também tinha dificuldade no 'h' quando comecei a aprender as letras - desenha este melhor. Se gostares que eu te ajude no traço, eu estou aqui.Sabes, quando consegui desenhar bem o 'h' maiúsculo senti-me capaz de desenhar todas as outras letras!'

3. Gostas de estudar? Não gostas? Nunca foste boa aluna e agora gostarias que o teu filho não se saísse mal mas volta e meia dizes 'que nunca estudavas nada e que passavas sempre à rasquinha?
Possivelmente não estás a passar a mensagem da melhor forma... ora pensa lá nas implicações do teu discurso.

4. Eu gostava de ter tido a oportunidade de ter estudado mais e por isso não quero que ele fique para trás. Ele tem de perceber que tem de estudar porque caso contrário terá menos oportunidades.
Espera, espera, espera! Essa é a TUA história, não a dele. Se achas mesmo que estudar te trará mais oportunidades, então procura formas de o fazer, E não tem de ser numa escola - pode ser pela internet, podes decidir o que queres estudar, ir a livrarias e a bibliotecas procurar livros. Não tens tempo? Desliga a TV no final do dia e ganha todos os dias 2h de estudo, por exemplo. Ao mesmo tempo vais estar a ensinar ao teu filho a importância do estudo, como se estudo, e que quando queremos mesmo alguma coisa, conseguimos. Já lá diz o outro 'Quem quer faz, quem não quer, manda'.



Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por leres e por comentares!
Todos os comentários são bem-vindos excepto os que 'berram alto'...Esses são, naturalmente, eliminados!

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share