ESPECIAL REGRESSO ÀS AULAS | AJUDAR E MOTIVAR PARA OS ESTUDOS

1.9.14
Muitos pais contam-me que uma das coisas difíceis, no regresso às aulas, é a questão dos TPCs e do ajudar a estudar. Se há professores e escolas que começaram a dar menos TPCs, a verdade é que há momentos em que os miúdos têm de estudar e nós, ajudar.

Estudar requer método, persistência e foco. E estas são características que não só os miúdos usam menos bem, mas nós também, e cada vez pior.

Sempre que possível senta-te ao pé do teu filho e interessa-te por aquilo que ele está a fazer - mais do que ajudar a fazer ou fazer por ele. Pergunta-lhe como é que se faz aquela equação ou conta-lhe uma coisa interessante sobre aquele rei que ela anda a aprender na escola e que não vem nos livros.

O segredo é tornar o estudo interessante: tu, porque lhe contas pontualmente coisas que lhe aguçam a curiosidade e tu [sim, mais uma vez tu] porque te interessas por ele e pelo acto de estudar e pela matéria. E quando tu levas interesse a essas coisas, é bem possível que ele as veja com algum interesse... A famosa pescadinha de rabo na boca.

Mandar os miúdos estudarem quando eles não têm método, é um pouco disparatado. Falei com alguns pais cujos filhos têm gosto pelo estudo [e também por outras actividades e tablets e skates] e houve uma resposta comum: a presença dos pais e o interesse pela situação parece ser a grande base.

Há pais que acompanham o estudo dos miúdos, diariamente, com o objectivo de garantirem que eles adquirem um ritmo e também um método. Mas o que foi mesmo interessante ouvir foi à pergunta:
- 'E gostas?'
- 'De início não - é uma seca! Mas depois gosto mesmo muito! E aquela coisa do vínculo que tu falas - é mesmo verdade - podes ficar mais próxima dele quando fazem estas coisas em conjunto.'

Nota: estás a lançar as bases para o estudo - descansa que quando isto estiver bem consolidado, eles não precisarão de nós tão frequentemente. Saberão fazê-lo sozinhos.

Dica:
Sabes que ele está a estudar a fundação de Portugal. Quando ele chegar ao pé de ti, não lhe perguntes:
1 - O que estás a estudar?
2 - O que aprendeste hoje?
3 - O que é que gostaste mais hoje na aula de História?

Diz-lhe antes - vou contar-te uma história sobre a mãe do rei D. Afonso Henriques.
E começas. Com detalhes e jeitinho e a criar o entusiasmo.
É uma ideia! :D


E tu, que outras ideias e alternativas colocas em prática, no estudo dos miúdos?

6 comentários:

  1. E quem tem dois filhos e quando se está a ajudar um o outro chama e reclama? Este sim, é o ponto onde tenho mais dificuldades. Saber como me "dividir" praticamente ao mesmo tempo, por dois.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Respira fundo... e pede que eles cooperem!
      Beijinhos!

      Eliminar
  2. A minha filha vai para o 1º ano mas tenho um pequneote com 3 anos que não a larga. No ATL há uma atividade TPC com acompanhamento estava a pensar em inscreve-la para quando chegar a casa brincar mas depois perde-se esse elo de ligação. Não sei o que será mais correto!

    ResponderEliminar
  3. obrigada pelas dicas, este ano a ver se me sento ao lado dele a estudar. Beijinhos

    ResponderEliminar

Obrigada por leres e por comentares!
Todos os comentários são bem-vindos excepto os que 'berram alto'...Esses são, naturalmente, eliminados!

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share