As crianças hiperactivas, a má educação, os limites e o sono e a facilidade com que se coloca uma etiqueta.

21.2.14



Ontem uma mãe dizia para outra:

'Este meu filho só faz asneiras! O professor já ameaçou que ele vai ficar fora da equipa e faz bem, porque ele é muito indisciplinado. Caso contrário nunca mais aprende.'

Antes desta queixa, tinha ouvido a mãe dizer-lhe, nos vestiários
'Tu porta-te bem que se não tiro-te o tablet e nunca mais vens à piscina, ouviste? Ouviste bem?'

O miúdo continuava aos pulos, a única coisa que ele queria era mesmo ir para dentro da piscina. É um miúdo difícil? É! Faz asneiras na piscina? Faz!

A senhora que estava ao lado da mãe do miúdo diz-lhe, já no final da aula, e do nada 'Se calhar vai ver, é hiperactivo'.

Silêncio do outro lado.
Não sei o significado daquele silêncio. Não olhei. Tive vontade de dizer qualquer coisa mas não soube o que dizer. Também não achei que devesse. Estava, por acaso, ao lado. Mas tive vontade de lhe dizer coisas.

E depois, hoje de manhã, vejo este título e digo 'Caramba! Ainda bem que há pessoas a escreverem sobre isto'.

Há hiperactividade? Há! Mas é tão, tão importante não classificarmos logo os nossos filhos porque há miúdos mais mexidos, mais indisciplinados, que dão cabo dos pais, da paciência deles. Há miúdos impossíveis, com falta de limites, que testam os pais mas que são só isso: miúdos indisciplinados, energéticos e longe de terem mais alguma coisa.
Lê estes dois textos:

Sobre o sono e a hiperactividade.(Sapo)

Sobre as crianças supostamente hiperactivas, a má educação e os limites. (mum's the boss)

2 comentários:

  1. Acontece-me tantas vezes ter vontade de dizer alguma coisa quando apanho essas conversas :). Acho sempre que os filhos são muito o reflexo dos pais...

    ResponderEliminar
  2. Acontece-me tantas vezes ter vontade de dizer alguma coisa quando apanho essas conversas :). Acho sempre que os filhos são muito o reflexo dos pais...

    ResponderEliminar

Obrigada por leres e por comentares!
Todos os comentários são bem-vindos excepto os que 'berram alto'...Esses são, naturalmente, eliminados!

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share