Como sabes que eu gosto de ti?

27.8.13



O desafio 'Boa Pergunta!' tem vários objectivos. Não passa só por saber o que é que os nossos filhos pensam acerca de um determinado assunto. Passa também por saber como se sentem em relação a ele. Mas, mais do que isso, que possam mergulhar interiormente à procura de questões que se calhar nunca ninguém lhes colocou e sobre as quais nunca pensaram. Mas sentiram.

E, juntamente com o Desafio Berra-me Baixo e o da Gratidão, este é um dos desafios mais sérios e mais importantes deste meu trabalho em Parentalidade Positiva e que faço para todos. Para um trabalho mais aprofundado, podes sempre contactar-me pelo meu site Parentalidade Positiva e pedires infos sobre as sessões de coaching.

A primeira questão é das que tem mais impacto. Na verdade, podes amar e mostrar ao teu filho que o amas mas o mais importante é que ele sinta tudo isso. Que é amado. Que faz parte da vossa tribo. Que é tido e achado. E isso é uma coisa que não consegues controlar totalmente.... mas que podes trabalhar com ele.

E agora uma pergunta para ti: o que é que tu fazes, todos os dias para que o teu filho saiba e sinta que o amas?


Boa semana!

7 comentários:

  1. Tento passar tempo de qualidade com ela, sinto prazer em estar com a minha filha e acho que ela sente isso. Digo todos os dias que a amo no ritual da ida para a cama combinado com abraços demorados e silencios bons.
    Olho nos olhos, escuto, converso, aplaudo, repreendo, e tento chegar bem perto do seu coração!
    Bjss

    ResponderEliminar
  2. digo-lhe constantemente e dou muitos abraços e beijos :)

    ResponderEliminar
  3. Pedimos desculpa mas é apenas para divulgar. Um casal, a crise, poupanças e histórias de quem vive a crise como muitos outros, mas onde a poupança é o melhor remédio. Pode passar a mensagem…? Obrigado!

    http://ocarteiravazia.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  4. Todos os dias à noite, sobretudo à noite reflito sobre a minha atitude enquanto mãe, faço-o quase inconscientemente e todos os dias acho que poderia ter dado um pouco mais de mim. Contudo, sei que de entre beijos, abraços e muitos "adoro-te" e "gosto muito de ti", há sempre um olhar, um piscar de olho, uma química qualquer que nos une e que os faz sentir esse amor.O que faço para além disto? Sou eu, sou verdadeira e demonstro que os amo, sempre e em qualquer lugar ou situação, até mesmo quando "berro alto ou baixo", quando estabeleço limites o amor está lá e eles sentem-no.

    ResponderEliminar
  5. Olá!
    Já aceitei este maravilhoso desafio.
    O que faço? Participo, participo e participo de tuuuudo que diga respeito à minha filha. Vejo os desenhos animados com ela, ensino a "fazer aquela pulseira de nós que ensinaste a Rita?", trabalho às vezes 30 horas seguidas (sou médica) e chego a casa como se tivesse dormido 12 horas, pisco-lhe o olho quando na festinha de fim de ano do colégio a professora pede aos pais um aplauso especial para a "mamã da Luísa" pela preciosa ajuda ( e adooooro a carinha de orgulho que ela faz). Ralho e digo muitos NÃOS (ai, como custa depois de trabalhar aquelas horas todas...). Mimo, abraço, educo.
    Beijinhos a todas!

    ResponderEliminar
  6. mais uma a alinhar neste desafio!

    faço questão de dizer muitos "adoro-te" na hora da caminha, mesmo quando os vou aconchegar e já estão a dormir profundamente; muitos e muitos beijos e abraços a toda e qualquer hora do dia; elogios sinceros sempre que merecidos, procurando elevar a sua auto-estima, muita escuta e uma tentativa crescente de participar nas brincadeiras e entrar nos seus mundinhos tão especiais :)

    ResponderEliminar
  7. Que boa pergunta, tem-me acompanhado esta semana toda!

    ResponderEliminar

Obrigada por leres e por comentares!
Todos os comentários são bem-vindos excepto os que 'berram alto'...Esses são, naturalmente, eliminados!

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share